Saiba quando dar petisco para o seu cachorro

Se deixar o seu cachorro come petisco o tempo inteiro também?

Pois bem, os bichinhos amam os petiscos, mas devemos ter cuidado com a quantidade e saber oferecer os petiscos nos momentos corretos para os cães.

O consumo exagerado de petiscos pode oferecer alguns malefícios para a saúde do seu cão, como por exemplo o ganho de peso. Por isso, fique atento ao rótulo do produto, pois nele você encontrará a quantidade diária recomendada para o seu melhor amigo.

Por que oferecer petiscos?

Quando ofertados no momento certo, os petiscos para cães ajudam a reforçar as ações positivas do animal. Essa é uma forma incrível de recompensar o seu melhor amigo conforme ele aprende e realiza novos truques.

Além disso, se o petisco for natural e de qualidade ele pode apresentar diversos benefícios para o bichinho. Na Zenpet você encontra petiscos 100% naturais e funcionais que vão garantir a saúde e bem-estar do seu pet.

Pensando em cães que possuem algum tipo de alergia ou intolerância alimentar, existem petiscos que são livres de glúten ou de ingredientes de origem animal. A maioria dos petiscos naturais são constituídos de ingredientes com propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas, auxiliando na digestão do cão.

Além de ser uma forma de recompensa, os petiscos são uma excelente forma de demonstrar carinho pelo seu filho de quatro patas, por isso, leve sempre em consideração os ingredientes presentes nestes produtos e escolha os que possuem inúmeras vantagens para a saúde do seu pet.

Muitos petiscos possuem prebióticos, que são fibras naturais que auxiliam na digestão e na saúde intestinal do seu cão. Além disso eles ajudam a prevenir tártaros e evitar o mau hálito. Enfim, são vários benefícios que um petisco de qualidade pode trazer para o seu cão, entretanto o tutor deve ficar atento à qualidade deles e os ingredientes que estão presentes em sua composição.

Quando oferecer petiscos?

Nós sabemos que se deixar o seu doguinho vai querer comer o petisco a todo momento, mas o tutor deve ficar atento para que não seja consumido mais do que a recomendação diária descrita na embalagem.

Os petiscos servem como uma troca mútua de ações, ou seja, quando o cão realiza alguma tarefa desejável, ele merece uma recompensa. Neste caso os petiscos podem ser oferecidos como uma forma de reconhecimento pela ação do animal.

Eles podem ser usados também como uma ferramenta para que o cão preste mais atenção e se concentre no tutor, dando uma atenção especial à ação que ele deve executar.

Se o seu filho de quatro patas já está se comportando bem, então você pode oferecer os petiscos como uma forma de agrado mesmo, estreitando ainda mais a relação entre vocês. Só tenha cuidado para que essa ação não se torne banalizada e para que você não tire a educação do bichinho.

A hora do petisco deve estar entre os melhores momentos do dia do seu filho!

Outro ponto importante que devemos ressaltar é: os petiscos não substituem as refeições completas, que devem ser realizadas com alimento balanceado e com todas as vitaminas e nutrientes que o seu cãozinho necessita.

Quais os melhores petiscos?

Existe uma infinidade de tipos de petiscos e o seu pet merece que você escolha o melhor para ele. Nós recomendamos que sempre antes de ofertar o petisco para o seu cão, busque informações com o seu veterinário de confiança e se possível investigue possíveis alergias e intolerâncias. É ideal que o petisco seja sempre testado com um pedaço pequeno, para que se possa observar se o cão apresenta alguma reação alérgica, desconforto, vômitos, enjoos ou diarréias.

Opte por petiscos que tragam benefícios à saúde do seu pet, como os que não possuem corantes artificiais, não possuem adição de açúcar, são fonte de proteína e são elaborados com ingredientes funcionais.

Se o seu pet possui algum tipo de alergia ou intolerância alimentar, busque por petiscos que não possuem glúten e proteína animal em sua composição. Na linha de biscoitos e bifinhos da PetVegan você encontra opções sem glúten e todos são livres de ingredientes de origem animal, com sabores funcionais e deliciosos para o seu bichinho.

Na Zenpet você encontra também os biscoitos Baba Cão, petiscos 100% naturais e artesanais, desenvolvidos com farinha integral, vegetais e proteína animal. Além de serem petiscos sem conservantes, sem corante e sem química, eles possuem inúmeros benefícios, como:

  • Melhoram o Sistema Digestivo;
  • Melhoram o Sistema Imunológico;
  • Pelos mais macios e brilhantes;
  • Diminuem o tártaro;
  • Diminuem o mau hálito.

Frutas e legumes também são uma ótima opção de petisco natural para dar para o seu peludo. Há uma grande variedade de frutas e legumes que podem ser ofertados para os cachorros, mas tome cuidado para não oferecer em excesso e verificar se o seu cão tem intolerância a algumas delas. Busque opções como:

  • Batata doce cozida;
  • Banana;
  • Maçã (sem semente);
  • Cenoura;
  • Abóbora cozida;
  • Melancia.

Mas lembre-se tutor, esses alimentos devem ser ofertados sempre sem a casca e sem semente, pois podem ser muito tóxicas ou provocar que seu cão se engasgue.

O que não oferecer como petisco?

Tutor, se você for comprar um petisco pronto, atente-se aos rótulos dos petiscos antes de comprar, pois alguns ingredientes não indicados para a condição do seu melhor amigo.

Nem todos os petiscos fazem bem para a saúde dos pets, e alguns devem ser evitados:

  • Alimentos que sejam temperados, que possuam sal e açúcar são prejudiciais para os peludos;
  • Petiscos fritos devem ser rigorosamente evitados;
  • Biscoitos e petiscos com corantes artificiais, conservantes, aditivos químicos etc., fazem muito mal para a saúde do seu bichinho. Opte sempre por opções naturais;
  • Guloseimas que são feitas com alimentos proibidos para cachorro, como café, chocolate, abacate, macadâmia, frutas cítricas, alho, cebola, ossos animais, dentre outros;
  • Alimentos preparados para humanos. Mesmo carnes e vegetais sendo indicados para o consumo dos pets, as preparações são bem diferentes das que fazemos para nós humanos;
  • Muitos pets adultos são intolerantes ou alérgicos à lactose, desta forma não é recomendado oferecer produtos com leites e derivados para o seu melhor amigo.

Por fim, lembre-se sempre, tutor: a dieta do seu peludo não deve e nem pode ser composta apenas com petiscos, eles são um complemento e uma forma de agrado para o seu pet. Busque ajuda de um veterinário de confiança para oferecer uma alimentação balanceada para o seu filho de quatro patas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.