Gato preto deitado na cama branca, com olhos verdes

Importância da castração felina: entenda seus benefícios para os gatinhos e os cuidados

Está em dúvida se deve castrar seu gatinho?

Pois bem, a castração dos pets é um ato de amor que o tutor pode ter! Além de controlar a reprodução dos felinos, a castração é um zelo a mais com a sua saúde, pois esse procedimento reduz o risco de aparecimento de algumas doenças, como o câncer de mama, infecções no útero, neoplasias e nos machos o câncer de próstata.

Principais benefícios da castração felina

Vários são os benefícios que acompanham a castração felina, principalmente no que diz respeito à sua saúde e em seu convívio com humanos e com outros pets:

  • Nas fêmeas, a castração reduz o comportamento agressivo associado ao cio, pois esses períodos não ocorrem mais. Além disso, diminui as chances de desenvolver doenças reprodutivas, como o câncer de mama e infecções no útero.
  • Nos machos, diminui a necessidade de marcar território, favorecendo um comportamento mais tranquilo e evitando brigas por território. A diminuição na probabilidade de desenvolver doenças como o câncer de próstata e neoplasias também é outro benefício muito importante!
  • É muito importante lembrar que, segundo a Organização Mundial da Saúde, existem mais de 10 milhões de gatos abandonados, somente no Brasil. Muitos pets sofrem por não ter uma família que cuide e um ambiente confortável para viver. Isso ressalta ainda mais a importância da castração dos felinos, é preciso evitar uma procriação sem medidas e ninhadas indesejadas.
  • Diminui a chance de transmissão de doenças infectocontagiosas, como é o caso da FIV, a imunodeficiência felina.
  • O comportamento dos felinos muda bastante, e geralmente ficam mais dóceis com os tutores e com outros humanos e animais.
  • Reduz o odor da urina dos gatinhos machos.
  • A expectativa de vida dos felinos castrados é maior, quase o dobro em relação aos não castrados.

Quando eu devo castrar meu gato?

Gatinho branco, filhote e com os olhos cinza. Está sentado e olhando para o lado.

Essa dúvida é muito comum para os tutores de gatinhos. Frequentemente os felinos são castrados quando ainda são filhotes, entre 4 a 6 meses. Mas é importante ouvir a indicação de um veterinário de confiança.

Nas fêmeas é importante, tendo em vista a prevenção do câncer de mama, realizar a castração antes dela entrar no primeiro cio.

Quando mais velhos, é importante entender os riscos que a castração pode trazer para a saúde do felino, e se não há nenhuma restrição ou contraindicação.

O que eu devo fazer antes de castrar meu gato?

Em primeiro lugar, é necessário entender se o seu felino está apto para realizar a castração. É muito importante realizar exames para saber se o pet está com a saúde em perfeito estado.

Para entender quais exames são necessários de serem realizados, o médico veterinário irá analisá-lo fisicamente, sua idade e seu histórico. Algumas alterações físicas podem oferecer risco para o procedimento, principalmente no que diz respeito à anestesia.

Outro ponto importante que o veterinário irá avisar o tutor é sobre a importância de realizar o jejum de comida e água antes da cirurgia. A duração do jejum vai depender de cada felino!

Cuidados após a castração felina

Ao chegar em casa com o seu felino após a castração, é importante tomar alguns cuidados que também serão recomendados pelo seu veterinário. É fundamental que o ambiente em que ele vai ficar para se recuperar esteja limpo, tranquilo e livre de pressões emocionais.

Casinha de Gato Coral LuckyPet

Crie um ambiente confortável e aconchegante para acolher o seu gatinho castrado, é muito importante que ele “se sinta em casa”. Equipe o ambiente com uma boa caminha, mantinha, água fresca, sua caixa de areia e alguns – poucos – brinquedos, para distraí-lo.

Mantinha Dupla Face para o seu Felino Zenpet

Kit Caixa de Areia e Pá Higiênica

Enquanto o seu gatinho ainda estiver com os pontos é muito importante tomar cuidado para que a região do corte esteja sempre protegida. O felino não pode lamber ou morder o curativo e os pontos, por isso o tutor pode optar por uma roupinha pós-cirúrgica ou um colar elisabetano para proteger a região da cirurgia de bactérias.

Além de cuidar do corte e dos pontos, estar atento aos remédios que o felino terá que tomar no pós-operatório é muito importante também, pois são essenciais para uma cicatrização adequada e uma recuperação completa. Eles são essenciais para diminuir a dor, desconforto e a chance de ocorrer uma infecção ou inflamação.

É verdade que os felinos podem engordar depois de castrar?

Gato gordinho, deitado no chão. Seus pelos são rajados em tons de marrom e branco, e seus olhos são amarelados

Sim, tutor! Depois de uma castração é normal que o organismo do felino sofra mudanças, e uma delas é a sensação de preguiça e a diminuição da vontade de se movimentar e se exercitar. Por isso, após um procedimento como a castração, é essencial que mude algumas coisas na sua rotina e de seu felino:

  • É necessário estimular o seu bichano a se movimentar. Para isso, os brinquedos para gatos serão seus aliados na promoção de um enriquecimento ambiental!
  • A gatificação da casa é uma boa maneira de ajudar o seu felino, deixando sua casa mais atrativa e estimulante para ele. Os brinquedos verticais e playgrounds estimulam instintos importantes dos felinos.
  • Além do estímulo físico, é essencial manter uma dieta equilibrada que atenda às suas necessidades nutricionais novas, de um felino doméstico castrado.

Tutor, agora você já tem um guia básico sobre a castração felina! Para receber mais conteúdos sobre saúde e bem-estar pet, assine a nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos toda semana!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.